Uma análise as consequências da cafeicultura convencional e as opções de modelos sustentáveis de produção – agricultura orgânica e agroflorestal

Paulo Rogério Lopes, Keila Cássia Santos Araújo, Iara Maria Lopes, Rafael Passos Rangel, Núbia Fernanda de Freitas Santos, Paulo Yoshio Kageyama

Resumo


Considerando a crise econômica e ecológica enfrentada pela cafeicultura intensiva em agroquímicos e a diversidade de modelos de base ecológica existentes, o presente artigo tem como objetivo apresentar a trajetória da cafeicultura no Brasil, tecendo uma análise dos principais impactos causados por esta commodity agrícola, tendo como estudo de caso a cafeicultura de dois municípios do Sul de Minas Gerais, maior região produtora de café do país. Num segundo momento o artigo apresenta o estado da arte da cafeicultura orgânica no país e seu potencial de conservação e preservação da biodiversidade, geração de renda, oportunidade de novos mercados, resgate de práticas tradicionais de cultivo e uma reconstrução dos agroecossistemas por meio dos redesenhos das unidades de produção. Além disso, apresentamos os principais pressupostos da transição agroecológica para a promoção de uma cafeicultura sustentável: manejo ecológico do solo, de pragas e doenças, e redesenho dos agroecossistemas com agrofloresta. Verificou-se que, contrariamente à cafeicultura convencional, responsável pela devastação de extensas áreas de florestas e contaminação dos recursos hídricos e edáficos, os modelos de estilos de cafeicultura sustentáveis podem contribuir com conservação da biodiversidade e agrobiodiversidade, da cultura tradicional e camponesa, possibilitando a perpetuação da cafeicultura familiar, numa ótica que transcende a produção do café e abriga anseios maiores, como a reprodução social das famílias no meio rural, a qualidade de vida dos agricultores e a preservação dos recursos naturais para as futuras gerações. O artigo também apresenta os pressupostos teóricos e práticos para a construção de uma agricultura sustentável, fornecendo subsídios elementares à transição agroecológica.

Palavras-chave


Transição agroecológica; Sustentabilidade; Agricultura ecológica; Agroecologia;

Texto completo:

PDF


E-ISSN: 1984-1736