A contribuição da mulher pecuarista como potencial ator na preservação da atividade de corte no município de Dom Pedrito - RS

Tatielle Belem Langbecker, Cleiton Stigger Perleberg

Resumo


A mulher envolta à pecuária de corte particulariza este artigo, pois a atividade é conhecida como sendo de caráter masculino. É no sentido de “costurar” a pecuária com a atuação da mulher imbuída no processo de manutenção das características regionais que se concentra o objetivo geral, ou seja, relacionar a atuação da mulher pecuarista com a preservação da atividade em Dom Pedrito/RS. Na metodologia, as participantes foram identificadas por meio de dados disponibilizados pela Inspetoria Veterinária do município de Dom Pedrito, Sindicato Rural, entre outros. Obteve-se um resultado total de 40 mulheres pecuaristas, atuantes na gestão da propriedade, residentes em Dom Pedrito, onde destas foram realizadas 20 entrevistas. Na questão referente à sucessão da atividade, a maioria respondeu que haveria a continuidade por parte da família, entretanto quando questionada uma justificativa, as mesmas iniciam suas argumentações com “acredito que sim”, indicando o quão gostariam que a sucessão familiar ocorresse, porém há dúvidas. Ao final destaca-se a importância da busca por informações no intuito de dar continuidade a pesquisas “possibilitadoras” do conhecimento da diversificação das realidades vivenciadas pelas mulheres, assim como, de sua potencial atuação frente à preservação de caracteres identificadores de questões socioculturais.

Palavras-chave


Pecuária; Mulher; Meio rural; Região da Campanha;

Texto completo:

PDF


E-ISSN: 1984-1736